Brasília, 23 de Julho de 2024 - 20:40

MARTA PROTESTA, MAS COPA FEMININA GARANTE SUCESSO

O BrainLab, núcleo de insights da Publicis Brasil, destacou alguns dados da estreia do Brasil na Copa do Mundo Feminina de 2023. Nessa segunda-feira, 24, a jogadora Ary Borges fez três gols, dos quatro a zero da vitória contra o Panamá. E é dada como a grande promessa do torneio, tendo estrelado o Twitter Brasil, com quase 70 mil menções. Bia Zaneratto marcou um gol.

Outro destaque do Twitter, com mais de 63 mil posts, foi o protesto da rainha do futebol, a Marta, seis vezes a melhor do mundo. Mais uma vez, como faz há cinco anos, a jogadora entrou em campo sem nenhum patrocínio na chuteira, por não se sentir valorizada pelas marcas esportivas. E recusou todas as propostas feitas.

O canal CazéTV quebrou o recorde mundial de visualização simultânea de um jogo de futebol feminino no YouTube. O canal online do streamer Casimiro Miguel esteve conectado a mais de 790 mil dispositivos, simultaneamente. Alta de 214% sobre a audiência na partida entre EUA e Vietnã, que  alcançou 251 mil telespectadores.

A transmissão exclusiva da TV Globo obteve uma média de 14 pontos de audiência, com pico de 16 pontos em São Paulo, principal praça referência no mercado publicitário. No Rio de Janeiro, a média de audiência foi de 18 pontos com pico de 20 pontos, crescimento de 80% na audiência, segundo dados prévios disponibilizados pelo Ibope.

E o Google registrou mais de 1,2 milhão de buscas sobre a  Copa do Mundo Feminina 2023.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Assuntos Relacionados