Brasília, 26 de Maio de 2022 - 14:29

AFRICA TRAZ AFETO ENFERRUJADO PARA SENTIR NATAL DA NATURA

O Natal aproxima-se e traz consigo a esperança do reencontro, mas também um sentimento de ter perdido o jeito. Será que enferrujamos para o afeto? Em sua nova campanha para o Natal, a Natura nos convida a voltar a sentir: o abraço apertado, o sorriso compartilhado, o entrelaçar das mãos e o afeto que se mostra nos pequenos gestos. "Afeto Enferrujado" simboliza o primeiro filme de Natal em animação da marca, refletindo toda a emoção que essa data merece.

A campanha, assinada pela Africa, retrata uma boneca de lata que percebe o enferrujar do seu abraço, após tanto tempo sem abraçar. Ao sentir a fragrância da Natura, ela desperta a sua memória e acelera o desejo do reencontro com a sua avó. O tão esperado encontro presencial destrava o abraço e as faz desenferrujarem e retomarem a forma como pessoas reais, mostrando que o afeto é o que nos torna mais humanos. Com a metáfora do enferrujar, a animação, produzida pela Pródigo Filmes em parceria com Pedro Conti, renomado artista 3D, remete à perda da prática em dar e receber afeto após tanto tempo e convida a todos a voltarem a sentir o Natal.

"Com o tempo parece que perdemos aquilo que nos é mais intrínseco: a demonstração do afeto. No entanto, não podemos esquecer o que faz parte de todos nós – e não perdemos o jeito. As trocas e relações tomam uma nova forma diante da esperança de novos momentos, lembranças e partilhas. Só é preciso um passo, um gesto, para retomar todo o afeto que guardamos", destaca Fernanda Rol, diretora de Marketing da Natura no Brasil.

Além do filme de 30" com estreia na TV aberta e versão para os canais digitais da Natura, a campanha também conta com ação de influenciadores nas redes sociais e participação da Nat, no Twitter, que também irá contar sobre seu próprio desenferrujar das relações. A campanha será veiculada na América Latina.

"Acho que todos nós nos deparamos com essa situação: de querer abraçar, de querer trocar, mas já não saber mais exatamente como. Nosso traquejo social e nossa afetuosidade ficaram meio fora de forma. Mas um gesto pode destravar o afeto. E esse desenferrujar, metáfora tão simples, encontrou na magia da animação sua melhor tradução", afirma Sophie Schonburg, diretora executiva de Criação da Africa.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados