Brasília, 24 de Setembro de 2022 - 13:39

ANATEL INCLUI LINGUA DE SINAIS EM SUAS REUNIÕES DOCUMENTADAS

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) inaugurou o serviço de interpretação para a Língua Brasileira de Sinais (Libras), em sua 911ª reunião do conselho diretor essa semana.  A partir de agora, todas as reuniões do colegiado contarão com esse recurso, ampliando a transparência das decisões da Anatel, informou a entidade.

Segundo o presidente substituto da agência, Wilson Diniz Wellisch, “recursos de acessibilidade já vinham sendo incluídos em vídeos institucionais produzidos pela nossa Assessoria de Comunicação, mas com a interpretação em Libras damos mais um passo para que a Anatel seja cada vez mais um ambiente inclusivo e acessível”.

Logo no início da reunião, Wellisch destacou que “a acessibilidade é uma causa importante para a Anatel desde sua criação. Os Planos Gerais de Metas para a Universalização da telefonia fixa já estabeleciam, desde seus primórdios, requisitos que garantissem o acesso a serviços de telecomunicações por pessoas com deficiências”.

Ele lembrou, ainda, que “o Regulamento Geral de Acessibilidade, editado pela Anatel em 2016, consolidou em um único normativo as regras que buscam garantir às pessoas com deficiência a fruição de serviços de telecomunicações e a utilização de equipamentos de telecomunicações em igualdade de oportunidades com as demais, por meio da supressão das barreiras à comunicação e à informação”.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados