Brasília, 19 de Agosto de 2022 - 1:41

LIVRO VASCULHA HÁBITOS DE CONSUMO USANDO O NEUROMARKETING

 Duas pesquisadoras paranaenses lançam livro sobre os princípios do Neuromarketing. Analisar os hábitos de consumo pelo viés da neurociência é um caminho promissor para acessar informações mercadológicas estratégicas. Cerca de 95% das decisões do consumidor são tomadas de forma automática, no nível inconsciente. Como compreender os reais motivos por trás de uma escolha que, embora racionalizada, não é consciente?
No livro “Introdução ao Neuromarketing: desvendando o cérebro do consumidor”, lançamento da Editora Intersaberes, as autoras Shirlei Miranda Camargo e Vívian Ariane Barausse de Moura discorrem sobre a relevância do Neuromarketing na era digital.
Para fins didáticos, as unidades do cérebro trino propostas por Paul MacLean ajudam a visualizar uma estrutura resumida do cérebro humano, que explica a origem racional, irracional ou emocional das ações que tomamos. A neurociência, que estuda a estrutura e as funções cerebrais, dispõe de tecnologias que identificam quais estímulos são acionados em cada parte do cérebro. Aplicando ao campo do marketing, é possível entender a forma como o consumidor concebe determinado produto ou anúncio.
“Muitas vezes, nem nós mesmos conseguimos definir porque ocultamos ou mentimos uma determinada informação. Agora, pense a realidade nas pesquisas de mercado, que nem sempre identificam as verdades do consumidor”, comenta Vívian. 
Se antes os estudos, a diversão e os relacionamentos interpessoais eram eventos exclusivos do mundo offline, hoje todas essas práticas acontecem – com crescente frequência – também no mundo virtual. Com as compras não foi diferente. A digitalização dos hábitos de consumo desperta um novo perfil de cliente, com novas necessidades e novas expectativas diante da experiência de compra.
“Aplicar os conhecimentos de Neuromarketing no ambiente online passou a ser essencial para as empresas no entendimento do comportamento desse novo consumidor da era digital”, afirma Shirlei.  A fim de desmistificar o tema com responsabilidade, a obra parte do surgimento do Neuromarketing e, ao longo de seis capítulos, passa por aspectos primordiais do ser humano (como genética, memórias e emoções); fatores que influenciam as tomadas de decisões; as fases evolutivas do comportamento humano; as aplicações do Neuromarketing; os equipamentos usados e os desafios enfrentados nas pesquisas da área. A discussão ética que circunda este braço da neurociência não poderia ser ignorada e também é contemplada pelas autoras na obra.
“É preciso ter responsabilidade no momento de utilizar as informações obtidas para que não ocorra manipulação de determinadas pessoas ou grupos, pois o Neuromarketing deve se desenvolver em torno do benefício ao consumidor” resume Vívian.
 Em linguagem acessível, o livro esclarece temas complexos e dialoga com os interesses dos estudantes de Marketing, beneficiando também gestores e empreendedores que desejam aplicar o Neuromarketing em suas ações estratégicas. Por tratar de fundamentos básicos, a leitura é indicada a qualquer pessoa que tenha curiosidade em conhecer e explorar esse tema moderno e promissor.
Natural de Curitiba (PR), Shirlei Miranda Camargo é Doutora e Mestre em Administração pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) com ênfase em Marketing, e Mestranda em Neuromarketing na ESCO – Escuela Superior de Comunicación y Marketing – Espanha. Atualmente, é professora da Escola de Gestão Comunicação e Negócios do Centro Universitário Uninter.
Natural de Campo Largo (PR), Vívian Ariane Barausse de Moura é professora, neuropsicopedagoga e pesquisadora. Doutoranda em Ensino de Ciência e Tecnologia (UTFPR) e Mestre em Informática (UFPR), graduada em bacharelado em Informática (UEPG) e Pedagogia (UFPR), com especialidades na área de Educação e Neuromarketing. Atualmente, é professora da Escola de Gestão Comunicação e Negócios do Centro Universitário Uninter.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados