Brasília, 07 de Outubro de 2022 - 5:57

BB ANUNCIA PATROCINIO AO CANOISTA ISAQUIAS QUEIROZ ATÉ 2025

Banco do Brasil anuncia patrocínio ao canoísta Isaquias Queiroz, com contrato de exclusividade até 2025. Agora, o BB terá sua marca estampada nos uniformes, barco e remos do atleta, em treinos e campeonatos, com foco nos jogos olímpicos de 2024, em Paris, cujas classificatórias começam agora.

A parceria tem como objetivo fomentar a modalidade, em busca de resultados nas competições, e agregar valor e visibilidade à marca Banco do Brasil, além de fortalecer a comunicação nas redes sociais, onde o atleta mantém forte presença.

Segundo Tadeu Figueiró, gerente executivo da Diretoria de Marketing e Comunicação do Banco do Brasil, “ao patrocinar Isaquias, o Banco do Brasil coloca em prática sua estratégia de alcançar novos públicos, novas audiências e novos torcedores. Com a parceria, esperamos apoiar o atleta na conquista de novos títulos, e com isso, nossa marca participa de sua rotina, que gera conteúdo. Queremos que o Banco do Brasil faça parte da vida do atleta e de seus fãs”, explica.

Para Isaquias, que hoje quer "incentivar a garotada", o patrocínio vem como um grande apoio para inspirar os jovens a praticar esportes e, quem sabe um dia, terem a chance de representar o país mundo afora. "Em 2024, quero realizar o sonho de me tornar o maior medalhista do Brasil. E ter uma empresa como o BB me apoiando e acreditando no meu trabalho, no meu talento, em uma modalidade que não tem muita visibilidade, é muito gratificante".

Com a chance de posicionar Isaquias entre os maiores medalhistas da história do Brasil, a temporada dos Jogos de Paris, em 2024, também deve potencializar o engajamento do atleta na internet, que hoje conta com 542 mil seguidores em seu perfil oficial do Instagram. Na Olimpíada de Tóquio, em 2020, o canoísta viu o número de seguidores saltar de 110 mil para 420 mi, logo após a conquista do ouro.

A canoagem brasileira ganhou visibilidade nas Olimpíadas do Rio de Janeiro, em 2016, confirmando o seu potencial quatro anos depois, em Tóquio. O talento de Isaquias, que garantiu o pódio nas duas últimas disputas olímpicas, contribuiu para o aumento da popularidade da modalidade no Brasil.

O canoísta possui 12 medalhas em campeonatos mundiais adulto (sendo 6 de ouro).

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados