Brasília, 01 de Outubro de 2022 - 22:22

Interesse por filmes em streamings cresceu 30% no país, diz Twitter

Uma pesquisa do Twitter revelou os principais hábitos e preferências dos brasileiros, quanto ao consumo de conteúdos em streaming de áudio, vídeo e de podcasts. Somadas, as conversas sobre séries de TV, filmes, músicas e podcasts superaram mais de meio bilhão de Tweets no primeiro semestre deste ano. Os dados foram coletados pelo time de Marketing Insights & Analytics do Twitter no Brasil, a partir de levantamentos na plataforma.

Destaque para a preferência por conteúdo exclusivo ou original para 70% das pessoas que estão no Twitter, ele é fundamental no processo de escolha do streaming de vídeo a que vão assinar, superando, inclusive, a importância do valor da assinatura. Desde o início da pandemia, os brasileiros têm assistido a mais conteúdos em plataformas de streaming de vídeo (68%); assinaram pelo menos mais uma plataforma (70%); e acreditam que vão manter o interesse no formato após esse período (39%).

Usuários de Twitter se interessam por filmes (81%) e TV (63%), preferem assistir os conteúdos no celular (76%), na TV (72%) e no computador (51%). Elas acreditam que a plataforma é um bom lugar para encontrar recomendações de filmes e séries (64%), e gostam de conteúdos de marcas sobre curiosidades do assunto (58%), anúncio de lançamentos (52%), e trailers e teasers (51%). Tais interesses cresceram 30% em relação a 2020.

A música tem grande popularidade no Twitter: 78% dos tweeteiros se interessam por música e 57% não conseguem passar um dia sem ouvir uma melodia. Para mais da metade delas (68%), plataformas de streaming são a principal forma de aproveitar as canções 91% das pessoas utilizaram o streaming nos 30 dias anteriores à pesquisa.

O Brasil foi o país que mais cresceu na produção de podcasts no mundo, em 2020, totalizando um aumento de 103% em comparação com o ano anterior. O número ajuda a explicar porque 73% das pessoas que usam o Twitter escutam o formato. Para essa audiência, o motivo de buscar esses conteúdos em áudio é, principalmente, para se aprofundar em temas de que gostam (63%), sendo entretenimento (63%) o tema mais ouvido, seguido pelas categorias de arte, história e cultura (52%); negócios, economia, política e notícia (42%); e esportes, E-sports e jogos (30%).

A pesquisa mostra ainda que as pessoas que estão no Twitter e consomem conteúdos neste formato no Brasil buscam recomendações (46%) e informações sobre seus podcasts e podcasts favoritos (38%), falam sobre os podcasts que gostam (41%), descobrem novos canais (32%) e acompanham a conversa sobre os que mais gostam (32%).

Veja mais: about.twitter.com.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados