Brasília, 18 de Julho de 2024 - 5:58

MARCAS MAIS VALIOSAS SOBREM 4% COM DESTAQUE PARA BANCOS E BEBIDAS

As 50 marcas mais valiosas do Brasil cresceram 4% em dois anos e mostram a força das instituições financeiras, do setor de bebidas e das locadoras de veículos. No total, o valor somado das 50 marcas chegou a US$ 82,8 bilhões, ou R$ 411 bilhões na conversão cambial do dia 13 de março, de acordo com o mais recente relatório das Marcas Brasileiras Mais Valiosas, da Kantar BrandZ de 2024.

“As marcas brasileiras mais fortes abrangem diversas categorias, desde vestuário e cerveja, até cuidados pessoais e serviços de viagem, o que ajuda a equilibrar a classificação para garantir que ela seja menos suscetível às oscilações econômicas”, afirma o diretor Geral da Divisão de Insights da Kantar no Brasil, Milton Souza.

O maior banco do Brasil, o Itaú, lidera o ranking de 2024 com um valor de marca de US$ 7,4 bilhões, respondendo por 8,9% de todo o ranking. No Top 50, onze marcas de serviços financeiros contribuem com 30% do valor total da marca, sendo o Banco do Brasil, na posição nº 15 com US$ 1,6 bilhão, a que mais cresceu, subindo sete posições e registrando um aumento de 55% em dois anos.

O setor de serviços financeiros no Brasil passa nos últimos anos por uma transformação com a chegada de fintechs que priorizam o digital, como o Nubank (5º lugar; US$ 4,6 bilhões) e cada vez mais clientes que priorizam o digital. Como resultado, bancos tradicionais como o Itaú e o Banco do Brasil estão tendo que investir em novas tecnologias e experiências dos clientes para se manterem à frente da concorrência.

“O último ranking das Marcas Brasileiras Mais Valiosas da BrandZ mostra o quão resilientes as marcas têm sido após a incerteza dos últimos anos no Brasil e nos mercados globais”, diz Souza. “Com 19 marcas aumentando o seu valor este ano, temos uma retomada de crescimento similar aos tempos pré-pandemia, com as marcas investindo em novas campanhas, eventos e festivais.”

Nove estreiam no ranking

Há nove recém-chegadas ao ranking do Brasil em quatro categorias, incluindo Localiza (US$ 3,1 bilhões), com a melhor estreia, na 8ª posição. A locadora de veículos, com 50 anos de existência, busca moldar seu modelo de negócios para permanecer relevante para os consumidores brasileiros.

Com a rápida mudança do ritmo tecnológico nos setores bancário e de pagamentos, chegaram quatro estreantes de serviços financeiros, incluindo SulAmérica (nº 19; US$ 1,2 bilhão), Rede (nº 27; US$ 1,0 bilhão), PagBank (nº 46; US$ 359 milhões) e C6 Bank (nº 49; US$ 314 milhões). Duas outras novas marcas de Tecnologia e Serviços ao Consumidor entram no ranking pela primeira vez, Unidas (21ª posição; US$ 1,2 bilhão) e Movida (33ª posição; US$ 752 milhões).

A marca de chinelos Havaianas (35ª posição; US$ 711 milhões), que vende seus produtos em mais de 130 países, também faz sua estreia no Top 50 na 35ª posição, com um valor de marca de US$ 711 milhões. A Leão (No.44; US$ 377 milhões), uma marca com 120 anos de tradição no segmento de chá, é a única nova marca de Alimentos e Bebidas este ano.

AS 10 Marcas Brasileiras Mais Valiosas de 2024Kantar BrandZ Top

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Assuntos Relacionados