Brasília, 01 de Outubro de 2022 - 8:38

Sompo Seguros assina Princípios de Empoderamento das Mulheres da ONU

     A Sompo Seguros S.A. acaba de formalizar a assinatura dos Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs, na sigla em inglês), uma iniciativa da ONU Mulheres junto ao Pacto Global que estabelece parâmetros para que as empresas alcancem a igualdade de gênero por meio do empoderamento das mulheres.

A iniciativa é uma das ações desenvolvidas pela companhia por meio de suas Comissões de Diversidade, que têm como objetivo instituir ações, práticas e políticas que promovam a igualdade de oportunidades e o respeito mútuo no ambiente corporativo.

“Aderir aos WEPs, que são parâmetros de reconhecimento mundial, foi um compromisso e uma forma de poder contar com uma rede que ajuda na melhoria contínua das práticas que visam garantir a equidade no ambiente corporativo”, observa Francisco Caiuby Vidigal Filho, presidente da Sompo Seguros. “Nós já contamos com uma série de práticas que são recomendadas nos princípios, mas aprimorar os mecanismos que viabilizem a igualdade de oportunidades é uma responsabilidade de todos”, afirma o executivo.

Ao assinar os WEPs, a empresa assume publicamente o compromisso com a agenda de empoderamento das mulheres e passa a fazer parte de uma rede global das Nações Unidas. Essa rede compartilha informações, publica cartilhas e manuais, promove fóruns, eventos e webinars. “Estudos indicam que, mesmo com mais anos de estudo e representando a maior parcela dos profissionais que concluem ensino superior, na média, as mulheres ainda enfrentam uma taxa de desemprego maior e têm rendimento inferior ao observado por homens com o mesmo perfil e condições profissionais”, analisa Maristella Iannuzzi, consultora da ONU Mulheres.

Dados do Global Gender Gap Report 2018, do Fórum Econômico Mundial, indicam que a diferença de renda entre homens e mulheres chega a quase 51% em 2018 e apenas 34% dos cargos de liderança no mundo são ocupados por mulheres. Já o Brasil apresenta um índice de equidade de gênero de 68,1% na avaliação que mede quatro pilares: Participação Econômica e Oportunidade; Empoderamento Político; Escolaridade e Saúde e Sobrevivência. O País está na 95ª posição do ranking que avaliou 149 nações. Com isso, o Brasil cai cinco posições frente ao levantamento de 2017, quando o País ficou na 90ª posição.

Os Princípios de Empoderamento das Mulheres – WEPs
Criados em 2010 pela ONU Mulheres e o Pacto Global da ONU, os sete Princípios de Empoderamento das Mulheres – WEPs já foram assinados por mais de 2,3 mil CEOs em todo o mundo. São uma referência para que as empresas implementem políticas para a promoção da igualdade de gênero no local de trabalho, no mercado e na comunidade.

Os sete Princípios de Empoderamento das Mulheres – WEPs são:
1. Estabelecer liderança corporativa de alto nível para a igualdade de gênero.
2. Tratar mulheres e homens de forma justa no trabalho – respeitar e apoiar os direitos humanos e a não discriminação.
3. Garantir saúde, segurança e bem-estar das trabalhadoras e trabalhadores.
4. Promover a educação, a capacitação e o desenvolvimento profissional das mulheres.
5. Apoiar o empreendedorismo de mulheres e promover políticas de empoderamento das mulheres através das cadeias de fornecedores e de comunicação e marketing.
6. Promover a igualdade por meio de iniciativas voltadas às comunidades e do engajamento social.
7. Medir, documentar e publicar os progressos da empresa na promoção da igualdade de gênero.

Foto: Maristella Iannuzzi, consultora da ONU Mulheres, e Francisco Vidigal Filho, presidente da Sompo Seguros, durante a assinatura.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados