Brasília, 07 de Outubro de 2022 - 16:25

Advogado Vítor Morais de Andrade é indicado ao conselho da ANPD

O professor de direito especializado em tecnologias e consumo, Vitor Morais de Andrade, foi indicado ao Conselho Nacional de Proteção de Dados Pessoais e da Privacidade por 15 entidades de comunicação, reunidos na Coalizão das Associações de Comunicação. O nome fará parte da lista tríplice para uma das vagas do colegiado que dará suporte à Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD).

Aprovada em agosto de 2018, a ANPD teve sua diretoria ratificada pelo Senado Federal no fim do ano passado, e indicado como presidente o oficial do Exército Waldemar Ortunho Junior. A diretoria terá que contar com um conselho deliberativo, formado por diversos membros do governo e sociedade.

A ANPD foi criada com a atribuição de zelar pela proteção de dados pessoais, assegurar a observância de segredos comerciais e industriais e punir eventuais descumprimentos à legislação, principalmente sobre o que circula na internet.

A coalizão pela qual foi indicado Morais de Andrade reúne as entidades da radiodifusão Abert e Abratel; dos veículos de imprensa, ANJ e ANER; do setor de marketing, ABEMD; de call center, ABT; desenvolvedores de serviços digitais, a Abradi; do setor de publicidade, Abap, Fenapro e APP; pesquisa de mercado, Abep; de relacionamento com o cliente, Abrarec; de serviços estratégicos de comunicação, Abracom; do setor de marketing promocional, APRO e a Confederação Nacional de Comunicação Social.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados