Brasília, 24 de Setembro de 2022 - 23:36

BB PATROCINA TEMPORADA 2022 DE SURFE EM PRAIAS BRASILEIRAS

A BB DVTM, empresa focada em gestão de fundos de investimentos, anuncia que vai patrocinar a temporada de surfe 2022 nas praias brasileiras, em parceria com a World Surf League (WSL). O obejtivo da instituição financeira é ficar mais perto do público jovem.

Há mais de 30 anos apoiando equipes, atletas, projetos sociais e incentivando o desenvolvimento do esporte, o BB quer apostar na nova geração do surfe nacional. O Circuito Banco do Brasil de Surfe, válido por três etapas do Qualifying Series 1000, terá disputas em Stella Maris (Salvador/BA), Itamambuca (Ubatuba/SP) e Praia da Ferrugem (Garopaba/SC).

O BB estará presente também na etapa brasileira do World Surf League Championship Tour – o Oi Rio Pro – que acontecerá de 23 a 30 de junho, em Saquarema (RJ).

A BB DTVM já patrocina algumas estrelas brasileiras do surfe, como Tatiana Weston-Webb, Silvana Lima e Juliana dos Santos. Ao investir nos eventos da WSL no país, a instituição financeira finca ainda mais a sua bandeira no universo desse esporte, com todos os atributos aos quais ele é associado, como qualidade de vida, sustentabilidade, preservação do meio ambiente e o lifestyle saudável. 

"Esta parceria com a WSL e com o surfe reforça a nossa vocação de Empresa que apoia o esporte brasileiro. São mais de 30 anos de atuação junto a diversas modalidades e atletas. Podemos, inclusive, citar o patrocínio ao vôlei brasileiro como um caso de sucesso, pela longevidade e resultados obtidos. Agora, participando do surfe, temos uma nova oportunidade para ajudar a desenvolver a modalidade no País e, ainda mais importante, contribuir para o surgimento de novos talentos, de novos campeões, de novos ídolos", afirmou Fausto Ribeiro, presidente do BB.

Com 213 anos, o BB tem apoiado esportes como Vôlei de Quadra e Praia, Vôlei de Surdos, eSports, Circuito Banco do Brasil de Corrida, uma vasta plataforma de eventos, o Projeto Embaixadores do Esporte, além de ter diversos atletas patrocinados em diferentes modalidades esportivas, bem como apoiado vários projetos sociais. 

"O Banco do Brasil foi reconhecidamente responsável pelo apoio e desenvolvimento de outras modalidades esportivas nas quais o Brasil também é destaque no mundo. Ter a oportunidade de contar com a força e a tradição de apoio aos esportes dessa instituição é um fato histórico para a WSL. Certamente a marca vem engrandecer os nossos eventos e, sobretudo, o investimento no Circuito Banco do Brasil de Surfe será um caminho para revelar novos talentos para o surfe brasileiro, em três regiões diferentes do país", ressalta Ivan Martinho, CEO da WSL Latin America.

Martinho destaca que o Brasil domina o surfe já faz alguns anos. Nas últimas conquistas nacionais, Gabriel Medina trouxe o tricampeonato mundial ao país (com Filipe Toledo vice-campeão e Ítalo Ferreira em terceiro no ranking), Tatiana Weston-Webb sagrou-se vice-campeã mundial e Ítalo ganhou a medalha de ouro das Olimpíadas de Tóquio. 

Na temporada 2022, aliás, a elite do surfe mundial conta com nove atletas brasileiros: Filipe Toledo, Ítalo Ferreira, Deivid Silva, Jadson André, Miguel Pupo, Samuel Pupo, João Chianca “Chumbinho”, Caio Ibelli e Tatiana Weston-Webb, além de Gabriel Medina e Yago Dora.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados