Brasília, 17 de Abril de 2024 - 7:20

BRASIL RECEBERÁ R$ 23 BI EM APORTE DO MERCADO LIVRE ESTE ANO

O Brasil será o principal destino de investimentos do Mercado Livre na América Latina em 2024, com um aporte estimado em R$ 23 bilhões, o suficiente para gerar milhares de empregos no país ao longo do ano. Este é o maior valor já alocado pela empresa em seus 25 anos de história. Referência em tecnologia para e-commerce na região, assim como nos serviços financerios, o grupo obteve receita líquida recorde em 2023 na operação brasileira, com um avanço de 35% no período.

Os recursos serão alocados com prioridade nas áreas de tecnologia, logística, e-commerce e de banco digital, além das frentes de marketing e retail media. O montante previsto inclui alocação em bens de capital e uma parcela de suas despesas operacionais estratégicas referentes ao desenvolvimento das prioridades de negócios da companhia para os próximos anos.

Dentre os objetivos buscados pela companhia no ano incluem-se o aprimoramento da infraestrutura, equipe e base operacional da logística do Mercado Livre no Brasil. Com isso, o número de cidades com entregas rápidas, no mesmo dia e no dia seguinte, tende a crescer em 2024. Além disso, o aporte vai amplificar a presença do Mercado Pago, principalmente em relação aos usuários pessoa física. As alavancas de marketing, que geram recorrência de compra e fidelização no marketplace, assim como a aceleração do Mercado Ads, seu negócio de publicidade digital, também estão dentre as prioridades.

“Há sete anos, temos feito o movimento de compartilhar com o mercado o tamanho do nosso apetite de crescimento no Brasil, em sintonia com a evolução da experiência de consumo e de transações financeiras”, afirma o vice-presidente sênior de Commerce e líder do Mercado Livre no Brasil, Fernando Yunes. “O avanço histórico dos aportes do Mercado Livre no país indica o tamanho da nossa confiança no potencial de desenvolvimento do país, dos nossos colaboradores, da comunidade empreendedora e dos nossos parceiros”, diz, mencionando que o Brasil representa 52% da receita líquida total do negócio na América Latina.

Em 2023, a companhia superou a marca de R$ 4,6 bilhões pagos em impostos federais, estaduais e municipais no Brasil, número 31% superior ao volume pago em 2022.

Mercado Ads

Uma das prioridades do aporte anual é o negócio de publicidade digital do Mercado Livre, que melhora a performance dos anúncios no ecossistema. O número total de anunciantes via Mercado Ads chegou a quase 170 mil em 2023, após aumentar por sete trimestres consecutivo. Esse resultado ajudou a receita do negócio de publicidade digital a atingir 1,6% do volume total de vendas na América Latina.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Assuntos Relacionados