Brasília, 20 de Maio de 2022 - 23:09

CENP: foco na adaptação da publicidade aos novos tempos

A atual diretoria o Conselho do CENP (Normas Padrão da Atividade Publicitária), encabeçada por Caio Barsotti, foi reeleita em assembleia geral virtual, semana passada, para mandato de dois anos.

“Nossa atividade está em plena reinvenção, provocada pela aceleração da revolução digital, um processo que está longe da estabilização. E também pela pandemia”, diz Flávio Lara Resende, presidente da Abert.

Para Ana Célia Biondi, presidente da ABOOH, “o CENP está plenamente preparado para dar conta das muitas tarefas que se exigem no momento. Os efeitos da pandemia sobre a sociedade e nosso mercado apenas tornaram esta necessidade mais explícita”.

“A digitalização acelerada da indústria da comunicação encerra diferentes desafios, e a publicidade tem papel marcante, pois é ela quem provê a maior a parte das receitas – em alguns casos, todas elas – que tornam possível levar informação, cultura, educação e entretenimento à toda a população”, acrescenta Mauro Madruga, presidente da ABMN.

Para Mario D`Andrea, presidente da Abap, o CENP é central nas discussões sobre os rumos do mercado. “Nesses mais de vinte anos, o CENP é o fórum de discussões da publicidade brasileira, um dos pilares do nosso modelo de autorregulação, que inclui o Código de Ética da profissão e o Conar. Modelo este que vem garantindo a saúde e a prosperidade do mercado, e é invejado no mundo todo", diz ele. Marcelo Rech, presidente da ANJ, afirmou que “esse processo reforça a oxigenação do CENP, tornando-o ainda mais contemporâneo e preparado para lidar com as grandes questões do mercado pelos próximos anos, nestes tempos de transformações continuas e permanentes”.

MELHORES PRATICAS

“Mesmo diante de tantas inovações, eu tenho a certeza de que as bases das melhores práticas seguem sólidas e perfeitamente válidas”, diz Daniel Queiroz, presidente da Fenapro. “A comunicação brasileira e, em particular, a atividade publicitária, sempre zelou pelos próprios caminhos, demandando ao mínimo a ação das autoridades. É importante que siga assim”, afirma Rafael Menin Soriano, presidente da Aner.

“Vamos deixar claro uma coisa: rediscutir a publicidade e as normas não é nenhuma novidade no CENP: estamos fazendo isso desde sempre”, diz João Batista de Oliveira, presidente da Central de Outdoor. “A cada momento surgem novos fatos para nos relembrar a importância de um diálogo permanente e incansável, para que discutamos leal e francamente o nosso modelo de negócios”, diz Oscar Vicente Simões de Oliveira, presidente da ABTA.

“E ao rediscutir a autorregulação, nós a fortalecemos mais e mais”, complementa Luiz Fernando Castro Rodovalho, presidente da Fenapex.

Na assembleia, Caio Barsotti informou a consultoria prestada ao CENP pela ToF-Traduzindo o Futuro, que em breve concluirá a primeira fase de seu trabalho dedicado à governança do ambiente de autorregulação.

E enumerou outras ações recentes:

– O ingresso no Conselho Superior do CENP de dirigentes de marketing e comunicação de grandes empresas anunciantes. Veja mais em https://cenp.com.br/Site/cenp_revista/EDICAO_71.pdf.

– A campanha publicitária com veiculação estadual “Agência não é tudo igual”, no momento em Minas e na Bahia, e que destaca os diferenciais das agências certificadas.

Paraná e Brasília começam em maio. https://cenpcertifica.com.br/certificacao-final/.

– Novo modelo de planejamento e avaliação de gestão no CENP, denominado Bússolas 2021. https://cenp.com.br/Site/cenp_revista/EDICAO_70.pdf.

– A adoção dos indicadores de demandas externas.https://cenp.mailchimpsites.com/indicadores-cenp.

– A divulgação do primeiro ranking de agências do CENP-Meios: https://cenp.com.br/cenp-meios-apresentacao.

– Renovação nos comitês técnicos do CENP, como o CTD, agora coordenado por Patrícia Garrido, e do CTM, por João Oliver. Mais em https://cenp.com.br/Site/cenp_revista/EDICAO_70.pdf e https://cenp.com.br/Site/cenp_revista/EDICAO_69.pdf.

– Parceria com a Kantar Ibope Media para o ranking de compra de mídia das agências de publicidade. Mais em https://cenp.com.br/Site/cenp_revista/EDICAO_69.pdf.

– Vídeos e sobre Certificação de Qualificação (https://www.youtube.com/watch?v=7LhFqpyewnc) e o CENP-Meios (https://www.youtube.com/watch?v=F3RiK3n8PJ8&t=2s).

– Acesso ao Banco de Agências Certificadas a veículos associados (mais em https://cenp.com.br/Site/cenp_revista/EDICAO_68.pdf), ou (https://cenp.com.br/certificacao/agencias_certificadas).

– A promoção do 1º Workshop Autorregulação ÉticoComercial e Compliance (https://cenp.com.br/Site/cenp_revista/EDICAO_67.pdf) e o lançamento do FAQ sobre a Lei Geral de Proteção de Dados na Publicidade, preparado pelo escritório Vinicius Marques de Carvalho Advogados (download gratuito em https://cenp.com.br/downloads/LGPD.pdf).

– Com a adoção do home office, o CENP redesenhou a forma de trabalho, abrindo mão, inclusive, da maior parte do piso de escritório que ocupava em São Paulo.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados