Brasília, 31 de Janeiro de 2023 - 4:23

ROBÔS ESCRITORES ESTÃO TOMANDO ESPAÇOS DIGITAIS

A dificuldade para escrever é uma “dor” comum. A tecnologia, entretanto, está ofertando “cura”, na medida em que já existem vários tipos de Integilência Artificial (IA) desenvolvidas para ajudar os humanos com a escrita. São os chamados robôs escritores, programados para desenvolver textos personalizados de acordo com a finalidade do usuário.

Em outubro, a IBM divulgou uma pesquisa que revelou que 41% das empresas brasileiras utilizam IA em suas operações diárias. Trazem mudanças na área de produção de conteúdo para redes sociais, peças de marketing, artigos e textos com foco na promoção de pessoas e empresas. Empreendedores que hoje encontram na redação de textos um gargalo de operação, têm a opção de adotar a tecnologia, que combina linguística computacional com algoritmos de IA para criar textos em poucos segundos.

A solução vem sendo aperfeiçoada ao longo dos anos e é realidade na estratégia de comunicação de empresas no exterior. Em 2018, por exemplo, a Associate Press (AP) anunciou que passaria a utilizar um gerador de conteúdos para automatizar algumas publicações. 

Rodrigo Gimenes, CTO da ReportFlek | Crédito: Rodrigo Rodrigues

“Essa tecnologia pode ser aplicada por empresas e pessoas que, por falta de tempo ou pouca familiaridade com a escrita, têm dificuldade para criar conteúdos do zero. A ideia é que a inteligência artificial desenvolva textos de boa qualidade, em segundos, a partir de instruções passadas pelo usuário”, explica Rodrigo Gimenes, CTO da ReportFlex e especialista em desenvolvimento de plataformas de inteligência de dados e produtos digitais.

Segundo o especialista, a produção de conteúdo é, atualmente, uma das estratégias mais fortes do marketing digital. “Criar conteúdos para fortalecer o relacionamento com o público deixou de ser um complemento para se tornar uma estratégia obrigatória, para quem busca ampliar o engajamento com o público. Neste cenário, a constância de publicações é um ponto chave, porém, inalcançável para quem não tem um time de redatores à disposição, e a IA se apresenta como alternativa”, diz ele.

No Brasil, as plataformas de IA voltadas para produção de conteúdo, chamadas de plataformas de copy, são recentes e estão ganhando força à medida em que a demanda pelo serviço aumenta.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados