Brasília, 07 de Dezembro de 2022 - 20:01

WEBINAR GRATUITO VAI ENSINAR TRUQUES DA PESQUISA GOOGLE

O Google organizou para o próximo dia 1º de setembro, entre 11h e 12h, um webinar especial, totalmente gratuito, com um dos principais nomes do universo de Search, o suíço John Mueller. O webinar terá tradução simultânea em Espanhol, Inglês e Português.

O especialista é responsável por coordenar as Relações Públicas do Google Search Console. Mueller atuou como analista de tendências para webmasters por mais de uma década e, frequentemente, participa de fóruns e eventos sobre a
Otimização para Motores de Busca (Search Engine Optimization – SEO),
sendo referenciado como um dos pesquisadores do assunto com maior
destaque no mercado.

Entre os temas trabalhados no encontro estarão o rastreamento, a
indexação, os sites para dispositivos móveis, os conteúdos duplicados, a
paginação, a melhor utilização do Google Search Console para
impulsionar empreendimentos, entre outras questões.

Entender o funcionamento da pesquisa Google e descobrir a melhor
maneira de explorar as ferramentas que trabalham para a exposição dos
portais, produtos e serviços nos resultados das buscas é fundamental
para estar sempre um clique a menos de distância dos novos e antigos
clientes ou contatos.

A lógica de funcionamento da inteligência responsável por organizar as
opções sugeridas às buscas realizadas, se assimilada pelo negócio,
auxilia no desenho de estratégias de captação ainda mais assertivas e
econômicas, considerando as ações para o melhor posicionamento na
lista de respostas retornadas aos consumidores, diz nota do Google.

O Google Search Console é um serviço sem custos oferecido pelo
Google, que auxilia a monitorar, manter e solucionar problemas
relacionados à participação nos resultados da Pesquisa Google.

Não é necessário estar incluído no Search Console para aparecer na busca,
mas o sistema permite entender e melhorar a forma como o site é lido e
avaliado pela base de dados. Ou seja, como e quando a página
aparecerá nas pesquisas realizadas.

Na plataforma é possível confirmar se o Google pode encontrar e
rastrear determinado site, corrigir problemas de indexação, ou
solicitar a reindexação de conteúdo novo e atualizado, visualizar dados
de tráfego na pesquisa, saber quais consultas de pesquisa mostram aquela página, com que frequência os usuários clicam nessas consultas e outros dados.

O Google segue três etapas básicas para colocar as páginas entre os
resultados das buscas solicitadas na Web. O rastreamento é, basicamente,
a leitura das páginas pelas máquinas do Google, para que elas possam
detectar e "descobrir" o endereço.

Na sequência, a indexação identifica o conteúdo, analisando e
catalogando os arquivos que estão disponíveis no site. No processo
o Google verifica do que se trata a página. Essa informação fica registrada
no índice, um grande banco de dados, armazenado em uma quantidade
enorme de computadores.

Por fim, a exibição. O Google tenta determinar as respostas mais
adequadas e de qualidade mais alta, bem como avaliar outras
considerações, que fornecerão a melhor experiência do usuário. Para isso,
leva em conta aspectos como localização, idioma e dispositivo
(computador ou smartphone).

Reflexões sobre como melhorar o rastreamento, a indexação, a
exibição e a classificação dos endereços nas buscas feitas por meio da
caixa de pesquisa do Google serão trabalhadas ao longo do evento.

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Assuntos Relacionados