Brasília, 23 de Julho de 2024 - 21:32

METRÔ DE SÃO PAULO LANÇA CAMPANHA DE ENFRENTAMENTO A IMPORTUNAÇÃO SEXUAL

A importunação sexual foi tipificada e incluída no Código Penal Brasileiro em 24 de setembro de 2018. A Lei nº 13.718 estabeleceu que é crime “praticar ato libidinoso contra alguém e, sem a sua anuência, com o objetivo de satisfazer a própria lascívia ou a de terceiro”. Desde então, essa pauta ganhou força em todo o país, mobilizando empresas, públicas e privadas, dos mais diversos segmentos no combate ao problema.

Em São Paulo, o Metrô fez o dever de casa. Primeiro, criou seu protocolo interno de combate à importunação sexual e treinou os funcionários para acolher as denúncias e dar o devido encaminhamento a cada uma delas. Agora, coloca na rua uma campanha publicitária de caráter educativo, na qual esclarece dúvidas sobre o problema, apresenta as soluções desenvolvidas até aqui e orienta as vítimas sobre como agir.  

“Importunação é um assunto delicado e, de certa forma, novo. Nosso desafio foi abordar o tema com seriedade e contundência, mas também com leveza e criatividade. A entrega que fizemos ao cliente mostra que nossa equipe de criativos soube equilibrar tudo isso com muita propriedade. A ideia foi colocar o Metrô e seus colaboradores como protagonistas desse movimento, mostrando tratar-se de um esforço real, coletivo e coordenado”, explica Viviane Miranda, Diretora de Operações da Fields 360.

O Metrô de São Paulo transporta diariamente quase 3 milhões de passageiros, sendo que 57% são do sexo feminino. A estrutura de enfrentamento ao crime de importunação sexual, que agora conta com a participação efetiva de todos os colaboradores, oferece ainda dois centros de apoio à mulher, um na Estação Luz – Linha Azul e outro na Estação Santa Cecília, além do app Metrô Conecta e do SMS Segurança acionado pelo número (11) 97333 2252, cujas mensagens caem direto no Centro de Controle de Segurança, onde é feito o monitoramento das câmeras.

“Essa campanha teve um sabor especial para nós, pois aborda um problema que afeta, sobretudo, às mulheres. Na Fields 360, grande parte da equipe, incluindo a alta gestão, é composta por mulheres e várias delas tiveram a oportunidade de se envolver no desenvolvimento das ações que levamos para o Metrô. Pessoalmente, fiquei muito feliz com o resultado final e tenho certeza de que estamos construindo um grande case de comunicação para o nosso cliente”, afirma Ruskaya Zanini, CEO da agência.

Em 2022, apenas 59 casos foram encaminhados à delegacia e, na avaliação do serviço, um dos itens observados foi o medo da vítima tomar a atitude e não ser levada a sério. Com a política de acolhimento e de incentivo às denúncias, o Metrô acredita que esse número pode crescer em um primeiro momento, mas cair a medida que as providências forem tomadas e as punições aplicadas.    

Ficha Técnica

Agência: Fields 360

Cliente: Metrô de São Paulo

Campanha: Importunação sexual

Chairman: Sidney Campos

CEO: Ruskaya Zanini

Diretora de Operações: Viviane Miranda

Direção de Criação: Carlos Grillo

Redação: Cláudio Henrique, José Celso e Carlos Grillo

Direção de arte: Marcus Vinicius, Yan Matos, Paulo Laporta e Ítalo Lazarini

Atendimento: Tamara Alves

Diretora de Produção: Ozana Andrade

Produtor RTVC: Ozana Andrade e Pedro Werta

Mídia: Daílson Santos e Eduardo Rogeri

Aprovação Cliente: Fabíola Bemfeito, Renata Veríssimo, Luciana Rigoni

Produtora de Vídeo: Biruta Filmes

Produtora de Áudio: AudioBeat

Fotógrafo: Marcos Lopes

Tags

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Assuntos Relacionados